+55 11 2157-8329 | +55 11 2157-8124

Ondas de Choque

Ondas de Choque

Avaliação
Physio


Todos os nossos tratamentos e programas seguem minuciosa avaliação clínica/física e um breve questionário com informações de doenças pregressas para melhor entender o dia-a-dia do paciente e sua rotina de atividades físicas, sociais e profissionais.

A Avaliação Physio é o primeiro diagnóstico clínico/físico realizado pelos nossos fisioterapeutas com objetivo de identificar alterações biomecânicas, funcionais e possíveis desequilíbrios e desalinhamentos do corpo. Também são realizados testes de força, flexibilidade, equilíbrio, mobilidade e resistência.

Ondas de
Choque

A clínica de fisioterapia Physio Institute realiza tratamento de ondas de choque (Extracorporeal ShockWave) com equipamentos específicos, que ao entrar em contato com o local de tratamento produzem efeitos biológicos, aumentando a irrigação sanguínea local, favorecendo a regeneração tecidual e melhorando a dor.

A Terapia por ondas de choque é um tratamento não invasivo e com bons resultados em diversas patologias musculoesqueléticas de difícil tratamento, evitando em muitos casos a necessidade de cirurgia.

INDICAÇÕES

Pé:

– Fascite Plantar

– Tendinite de tendão calcâneo (insercional e não insercional)

– Sesamoidites

– Neuroma de Morton

– Dor residual pós entorse de tornozelo

Joelho:

– Tendinite patelar

– Tendinite quadríceps

– Tendinopatia Pata de ganso

Quadril:

– Síndromes dolorosas do grande trocânter (Bursite do Quadril ou Bursite trocantérica)

– Osteonecrose cabeça femoral (fase inicial de necrose óssea avascular)

– Sacroileíte

– Pubalgia e tendinopatia dos adutores

– Tendinopatia dos Isquiotibiais

Ombro:

– Tendinite crônica do ombro (com ou sem calcificações)

– Capsulite adesiva (Ombro congelado)

– Epicondilite do cotovelo

– Tratamento de Tendinites em geral.

– Tratamentos fisioterapia no joelho em geral.

– Rizartrose (artrose do polegar).

– Síndromes miofasciais/Trigger points.

– Lesão muscular crônica.

– Síndrome de stress tibial medial (“Canelite”).

– Fratura por stress.

– Pseudoartrose / Retardos de consolidação.

– Feridas (Pé diabético).

CONTRAINDICAÇÕES

– Pacientes com distúrbios de coagulação / uso de anticoagulantes.

– Processo infeccioso agudo.

– Gravidez.

– Arritmia cardíaca e/ou marca-passo.

– Tumores na área de aplicação.

– Área pulmonar.

– Grandes vasos e nervos na área de tratamento.